Casamento à Porto

Casamento à Porto

O filho do Pinto Costa apaixonou-se por uma Lisboeta e decidiu casar. Muito a medo, foi contar ao pai, temendo a sua reacção, tratando-se de uma Alfacinha.
Ao contrário do que esperava, Pinto da Costa ficou contentíssimo e deu-lhe alguns conselhos:
«Meu filho, fico muito contente. Para começar, vão um mês para Bora-Bora para o melhor Hotel, para mostrar a esses Lisboetas que a gente do Porto tem dinheiro.
O casamento vai ser no Mosteiro dos Jerónimos para mostrar a esses Lisboetas que temos gosto.
O copo de água vai ser no Hotel da Lapa para mostrar a esses Lisboetas que temos pinta.
Quando chegares ao Hotel para passar a noite de núpcias, vais carregá-la ao colo para mostrar a esses Lisboetas que somos uns cavalheiros.
Antes de entrar no quarto, dás-lhe passagem para mostrar a esses Lisboetas que somos educados.
No quarto tiras-lhe lentamente a roupa! Para mostrar a esses Lisboetas que somos carinhosos.
Quando ela estiver toda nua… Bates uma p…., para mostrar a esses Lisboetas que não precisamos deles para nada!»

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *