Quem procura… acha!

Depois de alguns anos de casados, o casal está na cama deitado a ver televisão, quando de repente a mulher sente que o seu marido começa a acariciá-la como não fazia há muito tempo.
Ele começou no pescoço, desceu pelo dorso até às nádegas; voltou ao pescoço, aos ombros, aos seios e parou na barriga; colocou a mão na parte interna do braço esquerdo, passou no seio, na nádega, na perna esquerda até o pé, subiu na parte interna da coxa e parou bem em cima da perna.
Fez a mesma coisa na parte direita e, de repente, vira-se de costas e não fala uma palavra.
A esposa, diz-lhe carinhosamente:
– Querido, estava maravilhoso, porque paraste?
– Já encontrei o comando.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *