Mais umas de loiras (sem ofensa…)

Aquele incêndio não foi dos piores. No entanto, os bombeiros encontraram uma vítima mortal. Era uma loira, de cabeça para baixo, com o dedo indicador a apontar algures.

Ao lado dela, estava um extintor de incêndio, onde se lia: “Em caso de incêndio, vire de cabeça para baixo e aponte para a chama”

Uma loira estava a conduzir numa estrada, quando viu uma placa que dizia: “Curva perigosa à esquerda”. Ela não teve dúvidas, virou à direita.

Porque uma loira, cada vez que compra uma caixa de leite, abre-a ali mesmo, no supermercado? Porque na caixa está escrito: “Abra aqui”

Sabes porque as loiras só usam a letra T da sua agenda de telefones? Porque elas escrevem: Telefone da Ana, Telefone da Maria, Telefone do Manuel, etc…

Uma loira chega ao trabalho em lágrimas. O chefe, sempre solicito com a loira, pergunta o que lhe aconteceu:

– Hoje de manhã, antes de sair para o trabalho, recebi um telefonema a dizer que a minha mãe morreu!

O chefe propôs imediatamente:

– Volte para casa imediatamente. Vá descansar.

– Não quero – responde a loira – prefiro ficra a trabalhar, vai-me distrair.

Algumas horas depois o chefe nota que a loira voltou a chorar de forma mais intensa. Ele vai até ela e pergunta:

– Não está melhor?

A loira explica:

– Nem imagina! Isto não pode estar a acontecer! Acabei de receber um telefonema da minha irmã. A mãe dela também morreu…

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *