37 coisas que deve fazer depois de morrer

1 – Doe o seu corpo a uma tribo antropófaga do pacífico sul

2 – Cante a plenos pulmões “Heaven! I”m in Heaven” mesmo que esteja no inferno

3 – Apresente Adão e Eva ao Charles Darwin

4 – Se não os encontrar abrace o Charles Darwin

5 – Dê um calduço ao D. Sebastião

6 – Pergunte ao Leonardo quem é a Gioconda

7 – Pague uma rodada ao Vasco da Gama e ao Pedro Alvares Cabral

8 – Forme uma boys-band com Mozart, Beethoven e Verdi

9 – Vá chatear o Camões

10- Chame impostor ao Elvis e diga a todos que ele não morreu

11- Junte a padeira de Aljubarrota e o Nuno Alvares Pereira e arme confusão num bar de tapas

12- Jogue roleta russa à vontade

13- Chame traidor ao Fernão de Magalhães

14 – Continue a votar nas eleições portuguesas

15 – Convença Marilyn Monroe a fazer-lhe uma lap dance

16 – Pergunte a todos os santos que encontrar porque é que eles só ajudam para baixo

17 – Leia o “Não há coincidências” ao Fernando Pessoa

18 – Confirme se o inferno está realmente cheio de boas intenções

19 – Envie sinais à Maya

20 – Volte como fantasma e aterrorize quem o prejudicou

21 – Descubra quanto o diabo está a pagar por cada alma

22 – Se for muito, venda

23 – Conte ao D.Afonso Henriques o que fizeram ao último rei de Portugal

24 – Diga quem foi

25 – Assine a Fox para continuar a ver “Sete palmos de terra”

26 – Se estiver no céu, dê e tire para ver se vai parar ao inferno

27 – Registe-se no Second Life

28 – Organize uma espera aos Politicos

29 – Abra uma empresa de ar condicionado no inferno

30 – Contrate o Goebels para chefe de vendas

31 – Já que está aí em cima, descubra onde está o dinheiro da Madeira

32 – Diga ao D João II que o Salazar foi eleito o melhor português de sempre

33 – Tente arranjar convite para as festas do Marques de Sade

34 – Publique o livro “O céu para tótós”

35 – Peça ao Pavarotti a cantar “Nessum Dorma” para todo o inferno

36 – Veja se o diabo consegue evitar as lágrimas

37 – Reencarne como filho de um multibilionário

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *